quinta-feira, junho 10, 2010


E desta vez o texto vem depois das fotos. Assim resumindo as coisas...

- Detesto ir todos os dias (neste caso 3) as lojas de recordações. É um habito pra ela e pra mim enervante. Eu sou muito rápida entro vejo, gosto compro não gosto nem lá volto. Mas neste caso foi pior que Londres todos os dias nas mesmas lojas que exagero. Deu pra num dos casos perceber que há prostituição de dia. Estava eu cá fora apanhar fresquinho, kitada com as maquinas, quando olho pro outro lado da rua e penso "parecem mesmo prostitutas, as roupas, o cabelo a maquilhagem", quando olho pro lado e ta um tipa de calças cor de rosa top rosa tudo claro, loira com um aspecto duvidoso a olhar pra mim, e quando percebo que também é? quando passam uns tipos que não devem ter entendido o que ela queria e ela fez o gesto... entrei na loja novamente. Uns metros mais a baixo existe a esquadra municipal de Madrid e uma sex shop logo á frente da esquadra, isto em Sol.

- Madrid é um bocadinho sem sal, confesso sou mais apaixonada por Londres.

-Madrid tem a Guernica que tem uns 100 metros de largura e uns 60 de altura :) estou a exagerar, mas foi o ponto alto, fiquei sem respiração é bonita, muito :) (pior é quando ela quis tirar uma foto ao pé de uma escultura e agarra-se a ela, estava a ver que ia presa)

- Detesto que me peçam fotos em todas as poses, em todos os locais. Porque considero ridículo. Na loja do Santiago de Bernabeu, cá fora, apanhar o autocarro pro RIR, no museu, no templo de Debod, na entrada do RIR, etc é que as vezes torna-se ridículo a quantidade de fotos e repetição porque há sempre qualquer coisa mal. Ou quando quer copiar a de alguém que acabou de tirar :)

- A organização do RIR põem a de Portugal a um cantinho. Muito melhor mas de longe. É relvado, ninguém se atropelou. Mas não teve o Jonh Mayer.

- Os espanhóis são fraquinhos, saltam pouco, cantam pouco, desistem a meio... não aquecem.

- Conheci Madrid desde o Estádio do Real ate onde se ia dar o RIR de autocarro, andamos na auto-estrada, magnifico... prédios prédios vegetação vegetação

-Adorei as ruas grandes e largas, sem carros nos passeios (é impossível com aquela altura) assim se consegue levar a bagagem. - Os espanhóis não entendem português nem devagarinho e nem entendem Inglês... e são antipáticos.

- Todos os edifícios são gigantes, tudo parece monumento, ate os Mc´s


- Conseguimos almoçar e jantar com dois pratos, bebida e sobremesa (e numa das vezes mais pão) e pagar pouco.... belo restaurante que descobrimos mesmo ao pé do Reina Sofia

5 comentários:

PAC disse...

AHAH a Ana Sofia foi à rua das meninas :P

Ana Sofia Santos disse...

Pac mas não sabia :) depois dou-te a morada muah muah :)

Chloé disse...

comer barato em Restaurantes em Madrid! Essa nao descobri. as meninas tb não as vi. mas estive num bairro só de paneleiragem, nunca vi tantos e tantas juntos. loool

Ana Sofia Santos disse...

Inês chueca bairro alto mas em gay dos bons dizem
que eu não cheguei a ver :P
pagamos 11 euros e 9 euros por aquilo tudo, e pratos bem aviados e garrafas.

Chloe disse...

loool. Fiz um jantar de aniversario em Madrid em que pagamos 30 euros cada um :P

mas em q dias só paguei essa refeição e outra de McDonald. Não me posso queixar. :P

Sim, na Chueca. lool. BONS? Não sei, não me lembro!