domingo, maio 13, 2012

Sou uma dona de casa desesperada

Sou oficialmente a pior dona de casa de todos os tempos, estou convencida disto.
Estava eu a aproveitar o calor na sombra. Lanchinho pronto, sentada numa das cadeira de plástico branco,  no terraço, estico os pés para apanharem sol e pumba parti a cadeira na parte onde se mete os braços. Das duas uma, ou o material é velho e apanhou sol a mais ou eu sou mesmo a pior dona de casa de todos os tempos.
Para além disso as vezes sou igualmente a pior cozinheira, quando deixo a comida crua. E ultimamente tem sido vezes a mais.

4 comentários:

fados do lar disse...

Ana, isso da cadeira é de estar ressequida do sol - nada tem a ver com os teus dotes de dona de casa desesperada!
Quanto à comida, e que tal provares antes de retirares do lume? ;) eheh

Ana Sofia Santos disse...

Fados espero que não seja de mim hehe
não dá batatas ou peixe

fados do lar disse...

batatas tiras um bocadinho pequeno para fora e provas, ... peixe espetas o garfo, ... se espetar de forma macia, já está ... também podes ver a coloração! :)

Ana Sofia Santos disse...

fados batata cozida que eu sou uma pessoa muita saudável lol
a coloração do peixe era bonita, acho que não descongelou bem